Header Ads

Reflexões e Desabafos - By Katia Steelman Walker: Homens em salas de bate papo: são todos mastubadores compulsivos? Quem os entende?


Homens em salas de bate papo: são todos masturbadores compulsivos? Quem os entende?
Sigilo e paciência levam a cumplicidade e o respeito.
By Kátia Steelman Walker – katiasteelmanwalker@hotmail.com
Se tem uma coisa que me chateia é quando entro em uma salas de bate papo, seja na Uol, no Yahoo, Meebo, whatsapp, second life, Skype ou MSN,  é quando me deparo com os caras que vem “conversar” comigo, cada um pior do que o outro... sem papo, medrosos, vulgares
Tem horas que perco totalmente a vontade de usar. Motivo? Os caras que vem conversar comigo, um pior que outro, sem papo, medrosos, vulgares, MASTRUBADORES... e por ai segue...
Não tenho a menor sombra de dúvida que jamais terão uma experiência com uma verdadeira crossdresser, tudo porque não sabem nos tratar com respeito. A maior parte quando não é um homofóbico é em geral um cidadão que se oculta atrás de um MSN, ou no máximo uma webcam. Fica mostrando o membro, e quando pedem o telefone (por isso não dou há algum tempo!) Não liga, e se ligar além de ligar em horário não apropriado, não sabe o que falar. As vezes eu ainda tomo a iniciativa de tentar puxar algum assunto mas “eles” simplesmente não sabem e não tem o que dizer... Ai fica difícil conhecer quanto mais de se encontrar...
Eu não entendo um cara entrar em uma sala de bate papo de travestis, transgêneros ou CDs, ou se deparar com a pessoa usando o nick: Crossdresser, ou homem de calcinha ou mesmo add a gente no MSN e ficar xingado... ta certo eu bloqueio, mas pó!? Vai procurar uma lavagem de roupa, meu irmão! Eu tenho mais o que fazer...
Já encontrei também muita gente legal, caras que sabem conversar e flertar, mas a grande maioria deles esta distante daqui o que impossibilita um encontro... mas o certo que a GRANDE MAIORIA me deixa com vontade de parar de usar o bate papo... Fico triste com isso, eu converso francamente, não omito que sou um cara vestido de mulher ( tem gente que diz que é mulher e só revela a verdadeira condição homem travestido bem depois... algumas só quando encontram o cara), sou sincera, falo quem sou, falo um pouco de como sou, eu chego amostro algumas fotos e tal... Mas nunca é o bastante...

Mas falando francamente ta difícil homem de verdade no “mercado”... Pessoalmente dou muito mais preferência aos casados (como eu) , coroas (quanto mais melhor) para me resguardar e tentar garantir algum sigilo. Se bem que tem aqueles que pensam que se tiver algo comigo depois vou bater na porta da casa deles e contar tudo esposa. Isso é botar chifre na cabeça de cavalo!
Ainda tem aqueles que “dizem” compreender o universo da CD, mas só pensam em ver fotos dela pelada... Esta é outra babaquice! A CD gasta ($$$$$) uma boa soma de dinheiro comprando meias de seda 7/8, cinta liga e calcinha de renda, corselet, cinta, peruca, luvas, sandálias, vestidos, saias e blusas só para se mostrar mais feminina pro “seu homem” e o cara só fica nessa de ver fotos mais reveladoras, da bundinha, do dote e tal...
Não que eu não tope me mostrar por exemplo de corselet, meias 7/8, ligas e calcinha para o meu namorado mas não encaro um encontro de bate papo como um momento para isso.
Imagino que conquistar uma cdzinha é conquistar a confiança dela (que em geral tem muito mais a perder que o “paquera”) Sempre busquei exigir a descrição e o sigilo total. Encontrar uma CD é garantir o sigilo , ter paciência e isso buscando a cumplicidade e o respeito.

Assim você vai fazê-la ir a um motel com você, e perceberá que é quase a mesma coisa que de sair com uma amante.
Com uma vantagem, se depois você quiser sair com “ela” fora das quatro paredes pode dizer em casa que esta com um amigo seu conversando num restaurante ou barzinho...

3 comentários

igor disse...

olha eu gostei da teu pensamento vc tem omesmo modo pensar q eu mais adoraria podercomversar vc linda beijuuuuuuus eu naum nego sou muito safadinho

Cindy disse...

Tem razão, Katia, querida... eu tenho frequentado as salas do bol, mas a turma não sabe nem o que é crossdresser... eu informo logo de cara, dou a definição e se quizer prosseguimos... mas tá dificil, os caras são mesmo inseguros, não passam confiança e vamos seguindo assim... sozinhas.Eu estou sem poder me comunicar por msn, pois como sou casado, so entro como Cindy no meu trabalho noturno, que tb aproveito pra atualizar o blog.Aqui, o msn é bloqueado,então já viu né?
Mas dá pra me montar e tirar fotos(sozinha)que to postando no Blog(fiquei lisonjeada qdo vi que vc o seguia-brigada)se quizer entrar em contato pra gente se conhecer melhor fique a vontade... nós cds temos que nos unir... não acha?

Katia Steelman Walker disse...

É Cindy, acho que a gente tem mesmo que se unir... Quanto aos "caras" paciência não é mesmo?