Header Ads

Travesti se apaixona por executivo...


Travesti se apaixona por executivo na peça
"Eu Te Amo por 48 Horas", em cartaz em SP


Por Paco Llistó - A Capa

Estreou na última sexta-feira (05/06), no Teatro Studio 184, em São Paulo, a peça "Eu Te Amo por 48 Horas". Com texto de Paulo Moraes e direção de Lineu Carlos Constantino, o espetáculo conta a história de Aroldo, um executivo que, após sofrer uma decepção profissional, busca uma relação extraconjugal nos braços de Júlia, uma travesti.

Segundo o autor e ator Paulo Moraes, a ideia inicial do texto era abordar os relacionamentos instantâneos. "Esse tipo de relação é hoje em dia muito comum. Partindo desse princípio, percebi que nele poderia encaixar uma figura onde a sua realidade é ainda mais conflituosa, que é a travesti", explica.

Para fugir dos estereótipos, a direção procurou humanizar as ações da personagem em cena. "As travestis, além das questões sentimentais, precisam encarar a família, a sociedade, e muitas vezes elas mesmas", destaca Moraes. Para isso, esclarece o autor, "buscamos uma encenação ágil, dinâmica, cúmplice de seu público e de sua época".

Ainda sobre a temática homossexual do espetáculo, Paulo Moraes ressalta que não quis levantar bandeiras. "Não faço de Julia uma sofredora incondicional. Ela é uma mulher frágil e sensível, e muitas vezes achamos que não existem mais pessoas assim. Trato a homossexualidade, assim como trato a heterossexualidade, com um olhar humano", diz. "Já Aroldo é um personagem que muitas pessoas se identificarão, apesar da sua aparente vilania. Recheio pronto para realizarmos uma boa construção dramática", conclui.

A Companhia de Arte Atores de Anga desenvolve trabalhos inéditos, escritos pelos próprios integrantes do grupo.

Serviço:
Eu Te Amo Por 48 Horas
De 5 de junho a 26 de junho
Sextas, às 21h
Teatro Studio 184, Praça Roosevelt 184 - Centro
Informações: (11) 3259-6940
Ingressos: R$ 20 (meia-entrada para estudantes, idosos e profissionais da área).
www.atoresdeanga.com.br

Nenhum comentário