Header Ads

Deputado Jean Wyllys diz que sabe de gays no armário no Congresso e critica falecido Clodovil


O deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ), 37, único deputado federal homossexual assumido, em matéria publicada ontem no portal UOL, afirmou que sabe da existência de outros gays no Congresso Nacional mas afirmou que não vai tirar ninguém do armário. "Eu identifico outros homossexuais aqui [no Congresso]. Mas não quero forçosamente denunciá-los nem tirá-los do armário. Pelo contrário, cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é. Não cabe a mim dizer quem é", disse, parafraseando Caetano Veloso. "Eu respeito a decisão de cada pessoa. Cada um tem seu próprio tempo. Elas não precisam igualmente implodir o armário e abrir relação ao mundo, podem manter sigilo", afirmou o deputado.

Wyllys falou de sua trajetória acadêmica, militante e política, existente antes de participar da 5ª. edição do Big Brother Brasil, da qual foi vencedor, em 1995. Considerado uma “boa surpresa” do meio político brasileiro dos últimos anos, o deputado afirmou que não nasceu quando apareceu no BBB e que já vinha fazendo trabalhos sociais antes do programa.

Sobre o ex- deputado federal e primeiro homossexual eleito para o Congresso, Clodovil Hernandes, falecido em 2009, Wyllys afirmou que ele possuía “homofobia internalizada”, não se aceitava como gay, e que por isso a comunidade teve dificuldade em dialogar com o parlamentar.

Fonte: Lado A

Nenhum comentário