Header Ads

Denise Del Vecchio: fala sobre transexualidade e preconceito

Entre ameaças e chantagens, finalmente o grande segredo de Augusta foi revelado a todos os telespectadores no capítulo da última quarta-feira (17).

A personagem da atriz Denise Del Vecchio, em um momento delicado, tomou uma decisão que mudou sua vida para sempre. Augusta é transexual e vive, até hoje, com uma falsa identidade.

Você sabe tudo sobre a Augusta? Prove!

Em conversa com o site oficial da novela, a atriz contou detalhes sobre o futuro de sua personagem e revelou, inclusive, que Regina não para por aí: provavelmente tentará matá-la no hospital. Leia a entrevista completa:

R7-Como foi saber, e interpretar uma personagem que trata de um assunto tão delicado como a questão da transexualidade na novela?

Denise Del Vecchio-Me deixa tensa, me deixa nervosa porque é muita responsabilidade fazer uma personagem com um problema que tantas pessoas enfrentam. Por outro lado, eu fico honrada porque a autora e o diretor confiaram em mim. Soube dois meses depois que a novela estava no ar e foi um “baita” [sic] susto. A primeira coisa que eu pensei foi: “eu sou muito feminina para fazer um homem”. Mas, quando comecei a estudar a questão da transexualidade, entendi que ela é sim, uma mulher; mas com uma genitália diferente.

R7-A cena em que o segredo é descoberto foi muito forte, principalmente pela presença de Raimundo no momento, filho de Augusta. Ao gravá-la, como você se sentiu?

Del Vecchio-Não era propriamente a questão da transexualidade da personagem, mas a questão da rejeição do filho. A cena foi focada em cima desta dor. Ele é a coisa mais importante da vida da Augusta. Ela assume o gênero feminino quando ela opta por ser mãe do Raimundo, que vai nascer filho da Adalgisa. Para chegar nesse nível emocional dentro da cena foi bastante desgastante tanto para mim, quanto para o Rômulo [Arantes Neto, que interpreta Raimundo, filho de sua personagem]. Eu centrei a cena na questão do preconceito, que foi o que falou mais alto do que o amor. Foi tanto, a ponto do coração dela [Augusta] não aguentar.

R7-Além da rejeição do Raimundo, como será a reação das outras pessoas quando souberem?

Del Vecchio-Eu fico muito triste quando eu leio os capítulos porque, na verdade, a Augusta não mudou em nada, só que agora que as pessoas sabem que ela tem uma genitália diferente, agem com raiva, com preconceito. As reações da Turma do Bolão e dos outros amigos serão diversas. O mundo não sabe lidar com o que é diferente, existe muito preconceito em cima daquilo que sai, nem que seja um pouquinho, fora da chamada “normalidade”.

R7-Diante de todas essas mudanças que vão acontecer na vida da personagem, o que você pode adiantar sobre os próximos capítulos?

Del Vecchio-Eu não tenho muita coisa sobre o que vai acontecer. Mas o Raimundo vai se recusar a visitar a mãe no hospital. Ele vai querer ficar com tudo o que é da Augusta: o dinheiro do prêmio, a confeitaria, tudo. E até interditar a mãe como doente mental. É muito triste. E, ainda, a Regina está com muita raiva -afinal, a Augusta tentou enforcá-la também- e vai tentar matá-la no hospital. Agora o grande foco dela [Regina] é fazer com que a segunda parte do prêmio de todos fique com o Francisco.

Do R7

Nenhum comentário