Header Ads

Ricky Martin admite que tinha ‘homofobia internalizada’ e que praticava bullying com gays


Ricky Martin assumiu publicamente que é homossexual em 2010. No entanto, o cantor admitiu que teve de lutar com a sexualidade enquanto crescia em Porto Rico. "Eu olho para trás e percebo que intimidava as pessoas que eu sabia que eram gays. Tinha homofobia internalizada. Percebi que estava enfrentando isso em mim mesmo. Queria ficar longe.", disse o porto-riquenho em entrevista para uma revista australiana.
Ricky Martin 06Também na entrevista, Martin afirma que após ser pai – através de barriga de aluguel – dos gêmeos Matteo e Valentino ao lado do seu companheiro, Carlos Gonzalez, tudo mudou. "Eu não queria que eles (seus filhos) crescessem em uma casa de mentiras. Ou pensassem que havia algo de errado em ser gay”.
O cantor assumiu sua homossexualidade após anos de especulação da mídia, através de comunicado oficial em seu site: "Tenho orgulho de dizer que sou um homem homossexual afortunado. E sou muito abençoado por ser quem eu sou.". No final do mesmo ano, em entrevista ao apresentador Larry King, Martin mostrou-se tranquilo com a decisão. "Hoje, eu assumo que sou gay. E tudo aquilo que dizem sobre sentir-se bem...se eu soubesse quanto ia me sentir bem, teria assumido há dez anos".
De Época - Via Mundo Alternativo

Nenhum comentário