Header Ads

Papel de Travesti pode dar Oscar a Jared Leto

Jared Leto surpreende o público em ‘Clube de compras Dallas’, no qual interpreta um travesti infectado pelo vírus HIV. Ele tem grandes chances de levar a cobiçada estatueta do Oscar.
Papel no filme 'Clube de compras Dallas' surpreendeu o público e a crítica. Dustin Hoffman e Jack Lemmon foram indicados por viverem sexo oposto. Galã de Hollywood e líder da banda 30 Seconds to Mars, Antes dele, porém, outros atores se saíram bem – e alguns até foram premiados – trocando de sexo nas telas do cinema. Confira a lista de sete astros que viveram personagens do sexo oposto:
 
1. Jack Lemmon
Junto com Tony Curtis em ‘Quanto mais quente melhor’, ele se travestiu de mulher para escapar da máfia e arranjou até um marido. Pelo trabalho, Lemmon foi indicado ao Oscar em 1959, mas não faturou a estatueta.
2. Chris Sarandon
Em ‘Um dia de cão’, ele interpreta o homossexual que motiva o assalto a banco cometido pelo personagem de Al Pacino, que usaria o dinheiro para pagar a operação de troca de sexo. Ele aparece no filme por apenas 14 minutos, mas foi indicado ao Oscar em 1975.
3. Gwyneth Paltrow
Vencedora do Oscar de melhor atriz por ‘Shakespeare apaixonado’, ocasião em que concorreu com Fernanda Montenegro, a atriz interpreta um homem em uma peça de teatro, enquanto, fora do palco, é a grande paixão do bardo inglês.
4. Jaye Davidson
Em ‘O jogo da perdição’, o ator dá vida a Dil, uma cantora de cabaré pela qual o personagem de Stephen Rea se apaixona até descobrir que ela, na verdade, é homem.
5. Dustin Hoffman
O veterano ator foi indicado ao Oscar pela quinta vez pelo papel em ‘Tootsie’, no qual interpreta uma simpática atriz de televisão que já não estava conseguindo emprego como homem.
6. Hillary Swank
A atriz foi alçada à fama – e faturou o Oscar – pelo papel do transgênero Brandon Teena em ‘Meninos não choram’.
7. Felicity Huffman
Em ‘Transamérica’, ela interpreta a transexual Bree. Isso pouco antes de ficar famosa na televisão, na série de sucesso ‘Desperate housewives’.

Do G1

Nenhum comentário