Header Ads

Transexual morre após aplicação de silicone industrial


Uma transexual, identificada como Bruna Prado, de 31 anos, morreu após aplicação de silicone industrial nas nádegas. A situação foi registrada na terça-feira (04), em Curitiba.
De acordo com informações de amigas, ela já havia feito aplicação de silicone nas nádegas e queria aumentar. Porém, ela passou mal durante a aplicação e foi levada às pressas ao Hospital Instituto de Medicina Curitiba. Pouco depois de dar entrada ela não resistiu e morreu.
O corpo foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) de Curitiba. Durante a madrugada desta quinta-feira (06), a mãe de Bruna, muito abalada, foi até o IML para realizar o reconhecimento.
A DHPP (Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa) abriu um inquérito para investigar o caso. O laudo com a causa da morte deve sair em 30 dias.
As informações são do blog Plantão 190.

Nenhum comentário