Header Ads

POLÍCIA CIVIL PRENDE TRÊS ACUSADOS DA MORTE DA TRAVESTI BRUNINHA

O corpo de Guilherme Tavares Pedro (Bruninha - Foto a direita), 17, foi encontrado na manhã de quinta-feira, 16, em uma fazenda no município de Salto Grande, na região de Ourinhos. Travesti conhecida por “Bruninha”, ela teria sido esfaqueada num matagal. Animais desfiguraram o corpo na madrugada. Segundo a polícia, o crime teria acontecido por disputa de ponto de prostituição em Ourinhos, na noite de quarta-feira, 15.
  “Bruninha” teria sido levada ainda viva para o local onde foi assassinada.

As investigações apontaram que os suspeitos teriam fugido para Jaú. Horas depois, foram presos Christian Adriano do Amaral — travesti conhecida como “Bárbara Close” — e Gabriel Dias Garcia, 22, (ambos na foto a esquerda) além do adolescente F.A.D.S., 17. Eles estavam num Fiat Siena que foi localizado em Jaú num local conhecido como “Pensão da Deusa”.

Apesar de negarem o assassinato, a polícia encontrou vestígios de sangue no carro. O menor foi apreendido e ficará à disposição da Justiça.
 
Segundo informações da Dige (Delegacia de Investigações Gerais) de Ourinhos, após o desentendimento com o travesti, “Bruninha” teria sido golpeada com quatro facadas ainda em Ourinhos. Em seguida, colocada no banco traseiro do automóvel, ela foi levada para uma propriedade rural no município de Salto Grande, onde recebeu novo golpe, desta vez mortal, no pescoço.
 
O corpo dela foi abandonado numa estrada rural. Quando a polícia o encontrou, faltavam partes que provavelmente foram devoradas por animais silvestres.


Policiais Civis da Delegacia de Investigações Gerais de Jau, prenderam em flagrante, nesta tarde, os autores do homicídio praticado na cidade de Ourinhos,  que vitimou GUILHERME TAVARES PEDRO de 17 anos, travesti conhecido pelo nome social “BRUNINHA”.

O corpo da vítima, parcialmente mutilado por algum animal silvestre, foi localizado nas primeiras horas da manhã deste dia 16/03/2016 às margens de um matagal, nas proximidades da cidade de Salto Grande. As primeiras diligências realizadas pelos policiais civis da Delegacia de Investigações Gerais de Ourinhos permitiram de pronto a identificação dos autores como sendo CHRISTIAN ADRIANO DO AMARAL, nome social “BARBARA CLOSE” de 22 anos; GABRIEL DIAS GARCIA de 22 anos e o adolescente F A D S, de 17 anos de idade, os quais passaram então a ser perseguidos pelos policiais de Ourinhos.
Durante essa continua e ininterrupta perseguição tais policiais obtiveram a informação de que os investigados, a bordo de um veículo Fiat/Siena de cor branca teriam fugido para a cidade de Jaú, informação que foi então repassada aos colegas da DIG de Jau, que de pronto realizada diligências acabando por localizar o citado veículo e os averiguados na chamada “Pensão da Deusa”, localizada no bairro Maria Luiza IV, nesta cidade.

O veículo foi periciado e foi constatada presença de sangue da vítima no banco traseiro desse automóvel que foi então apreendido.  Os imputáveis CHRISTIAN (BARBARA - Fotos abaixo) de 22 anos e seu companheiro GABRIEL também de 22 anos foram presos em flagrante pelo crime de homicídio qualificado pelo motivo fútil e pelo recurso que impossibilitou a defesa da vítima em concurso com o crime de corrupção de menores, isto em razão da participação do adolescente F.A.D.S de 17 anos, que foi apreendido pelo ato infracional equiparado ao crime de homicídio.

Segundo as informações obtidas pelos colegas da Delegacia de Investigações Gerais de Ourinhos, na madrugada deste dia, o travesti BARBARA CLOSE (CHRISTIAN ADRIANO DO AMARAL) teria se desentendido com o travesti “BRUNINHA” e, posteriormente, juntamente com seu companheiro GABRIEL e com o adolescente F.A D S R, passaram a rodar com o veículo FIAT/SIENA de cor branca e placas EFU 0678 até que encontraram o veículo, em cujo interior  estava a vítima GUILHERME (BRUNINHA), o qual foi arrancado do carro por CHRISTIAN e GABRIEL, sendo esfaqueado pelo adolescente, que desferiu 4 (quatro) facadas na lateral do corpo da vítima, que foi então colocada no banco traseiro do veículo FIAT/SIENA e levada para em direção da cidade de Salto Grande onde foi golpeada com outra facada no pescoço sendo deixada ali, onde seu corpo foi encontrado nesta manhã, como dito, parcialmente mutilado por algum animal.
Depois de presos e apreendido os maiores e o adolescente negaram os fatos, mesmo diante de tantas provas que pesavam contra eles.
 
As investigações prosseguem agora pela Delegacia de Investigações Gerais de Ourinhos.

COM EXCLUSIVIDADE PARA O REPÓRTER OURINHOS!
Do Reporter Ourinhos - CRÉDITOS: PLANTÃOPOLICIAL.NET
 

Nenhum comentário